6 insights aprendidos com o líder corajoso Victor Santos

Quinta foi a vez do Roni Cunha Bueno conversar com o Victor Santos, fundador e CEO da Liv Up, uma das startups de alimentos que mais crescem no Brasil, na Live #LíderesCorajosos. Confira a seguir 6 insights do bate-papo com esse líder corajoso que vive no palco da Nova Economia. Perdeu a Live? Ela está salva aqui no nosso perfil. Assista e nos diga o que achou!

1. Saiba que você viverá a intensidade dos primeiros anos

Até 2018, Victor tinha aquela sensação de ter que matar um leão por dia na Liv Up. Era fazer ou morrer quase que diário nesses primeiros anos de existência da startup. Nunca existiu a ideia de que ia dar errado. Sempre foi um: como vamos levantar dinheiro? A ideia de jogar junto com o time foi fundamental desde o início. Todo dia um ia se apoiando ao outro.

2. O maior desafio do empreendedor não é sonhar, é tirar o sonho do papel

É importante ter o sonho de onde querem chegar quando se está começando uma empresa. O Victor tem o sonho de construir a melhor e maior empresa de alimentação do Brasil. Ele enxerga que há um espaço fantástico a ser explorado e vai executando no dia a dia pensando nisso para conseguir atingir seu sonho.

3. Cultura é o que você faz e não só o que você fala

A cultura da empresa tem que ir puxando o colaborador. Os valores são pontos fundamentais. E o processo seletivo tem que ser o maior acordo entre ambas as partes. Afinal, o combinado não sai caro.

4. Repense em como ter um impacto melhor

As pessoas querem comer bem. E a Liv Up quer fazer cada vez mais parcerias com produtores e oferecer ingredientes mais naturais. Em 10 anos, o Victor quer que a Liv Up esteja 10 vezes melhor e que gere um impacto que inspira a sociedade. 

5. Não tenha vergonha de sonhar gigante

Antes, o Victor tinha vergonha de falar dos seus sonhos grandes pela insegurança do início. Mas aprendeu que uma caraterística de um líder corajoso é não se colocar tanto em um teto de vidro. O céu é o limite. 

6. É preciso crescer focado

Até para dizer não e ter conversas difíceis. O time deve estar todo alinhado pelo propósito e reservar um tempo de qualidade rever isso. O trabalho de olhar para dentro tem que ser contínuo. Às vezes estamos tão focados em resolver problemas que não percebemos esses pontos

Espero que tenha gostado dos insights de hoje. Você pode assistir a live com o Victor Santos clicando aqui. Ah, e não perca as Lives Jeito Organica, Faz Chover e Líderes Corajosos. Elas acontecem todas as segunda, terças e quintas-feiras, respectivamente, no Instagram da Organica. Até a próxima!

5 insights aprendidos com o líder corajoso Rodolfo Reis

Ontem foi a vez de Roni Cunha Bueno entrevistar o  7º convidado da Live Líderes Corajosos: Rodolfo Reis. Ele é fundador da Leiturinha, maior clube de assinatura da América Latina, sócio da Play Kids, líder global em conteúdo infantil (Grupo Movile); co-fundador da WeClever, plataforma de vendas humanizadas; CMO da Tech.fit, maior plataforma de saúde e bem-estar do Brasil; e sócio da Organica 10.4.3, fundo VC de startups em estágio inicial da Organica.

Confira a seguir 5 insights do bate-papo com este líder corajoso que está vivendo no palco da Nova Economia!

1. Sempre saia com algum aprendizado

A Leiturinha foi o oitavo negócio do Rodolfo e todos praticamente quebraram. Mas empreendedor não pára nunca, e a cada insucesso ele saiu com aprendizados que o tornava um empreendedor melhor. Sua filha nasceu e ele sempre lia para ela. Foi aí que pensou que aquilo poderia ser um negócio e criou a Leiturinha, o maior clube de assinatura da América Latina. Dois anos depois ela foi vendida pra Movile. E em mais dois anos ele se tornou sócio da PlayKids.

2. Entregue algo que mude a vida de outra pessoa

Mais do que nunca é preciso impactar pessoas. Se for só algo bonitinho não vai fazer a diferença para ninguém. A Leiturinha faz sucesso pelo seu lado humano, que mexe com o sentimento de toda a família. É preciso ver também como você vai envelopar isso. Comunicação agradável (inclusive visual), carinho e aquele momento uau de receber a Leiturinha fazem a magia acontecer. 

3. Pessoas querem comprar coisas de pessoas

A humanização faz toda a diferença na compra. Rodolfo se desafiou e saiu da operação do desafio gigante que era a PlayKids. Ele se tornou sócio da Organica 10.4.3,  fundo VC de startups em estágio inicial da Organica; se tornou executivo na Tech.fit, maior plataforma de saúde e bem-estar do Brasil, pois queria viver a experiência de trabalhar em uma empresa que não era o fundador; e montou há 5 meses a WeClever, plataforma que ajuda empresas a ter um atendimento humanizado. A plataforma está em crescimento exponencial crescendo ¨60% ao mês. Todo o atendimento da Leiturinha serviu de inspiração para a sua nova empresa.

4. Cercar-se de pessoas boas faz a diferença 

Para Rodolfo, a liderança corajosa não é ausência de medo, pelo contrário. Viver na coragem é viver na vulnerabilidade. É necessário ter disciplina de dar o próximo passo, dosar a energia nas relações com o time, ter ambição para querer crescer, iniciativa para saber se mexer, não deixar o medo te controlar e saber se adaptar aos novos cenários com criatividade. Assim, o líder corajoso vai estar acolhendo as pessoas. Para ele, também é importante prestar atenção no momento e no papel de cada sócio para não criar expectativas desalinhadas.

5. Esteja hoje melhor que lá atrás

Nossa trajetória enquanto profissionais é uma verdadeira jornada. Por isso, é imprescindível ser acolhedor. As marcas devem estar cada vez  mais próximas das pessoas. Os clientes esperam isso.

Espero que tenha gostado dos insights de hoje. E não perca as Lives com Líderes Corajosos todas as quintas-feiras às 18:00 no Instagram da Organica. Para assistir a Live com o Rodolfo Reis é só clicar aqui. Até a próxima!

6 insights aprendidos com a líder corajosa Paula Paschoal

Paula Paschoal está no PayPal desde o início das operações da companhia no País, em 2010, e, desde julho de 2017, é diretora sênior do PayPal Brasil.⠀Paula foi uma das entrevistadas da Live #LíderesCorajosos e respondeu perguntas ousadas de Roni Cunha Bueno. Para a líder, os momentos mais difíceis é onde a gente mais cresce. “Surgem os desafios, a gente assume os riscos, aprende e cresce.”

Confira a seguir 6 insights do bate-papo com esta líder corajosa que está vivendo no palco dessa gigante empresa de pagamento online global!

1. Desafie seu modelo campeão

Ela está desde 2010 no Paypal e enxerga um aprendizado importante em cada etapa. Não se sente no mesmo lugar ao longo desses 10 anos. Champion x Chalenger representa um dos grandes segredos do sucesso. É preciso criar um modelo, ir ao limite, desafiá-lo, quebrá-lo e criar outro melhor. Paula sabe bem como se reinventar. Para ela, o que nos trouxe até aqui não vai levar mais em outro lugar. 

2. Delegar é tão importante do que saber fazer

Às vezes saber delegar se torna ainda mais importante. Enxergue o mundo sob outra ótica. Paula acredita que ser mãe a tornou uma executiva melhor. 

3. Na prática a vida é outra

Quanto mais Paula mostrava vulnerabilidade mais os resultados foram sendo outros. Ela tem o mesmo time há anos. Os executivos precisam se abrir para o feedback e saber pedir ajuda. O trabalho se torna melhor com colaboração, inclusão e cuidado com os funcionários. A empresa a ajudou a crescer ao longo desses anos e isso precisa ser feito com todos. Ela não sabe tudo e sempre conta com pessoas do seu lado. Sair da armadura e mostrar a vulnerabilidade é sem dúvidas uma atitude de uma líder corajosa. 

4. Invista nos seus relacionamentos

Tenha uma agenda com os aniversários, por exemplo. Na hora do aperto, a ajuda dos colaboradores é a única alternativa de acolhimento. A vida é tão mais fácil quando a gente admite que não sabe tudo e pede ajuda. Antes, ela ficava se matando por não saber fazer alguma coisa. É fundamental manter as pessoas que se sintam empreendendo dentro da corporação. Para manter o seu time forte, a Paula busca pessoas que acreditam nos mesmos valores e tenham o mesmo propósito para o time. Dor de dono é vestir a camisa com paixão.

5. Mentorar mulheres dá trabalho porque precisamos educar todos os homens

Ainda temos poucos exemplos de mulheres na liderança de empresa, mas esses exemplos se arrastam. Enquanto não houver igualdade esse é um assunto que deve ser falado e enfrentado. A projeção é que apenas em 2092 teremos igualdade entre homens e mulheres. Precisamos acelerar isso. Quebrar síndrome do impostor, enxergar cada vez mais uma pequena soma e investir na diversidade.

6. A pandemia está acelerando a transformação digital

Empresas que tinham alguma resistência à digitalização hoje estão descobrindo um mundo de oportunidades. O Paypal nunca viveu um período tão positivo. Em maio, a empresa vendeu mais que na Black Friday e Natal. As compras online são mais simples e as pessoas estão tendo boas experiências. Ninguém volta atrás em um hábito antigo. O momento é desafiador e exige cautela, mas existe oportunidade na crise.

7. Reflita sobre o novo normal daqui pra frente 

Esse é o momento de transformação da sociedade. Ela tem tudo para ser mais igual do ponto de vista econômico, com mais acesso aos serviços financeiros. Repense no que mudou para sair melhor, mais forte e com mais consciência depois da pandemia. Repense o que realmente é essencial para você.

Espero que tenha gostado dos insights de hoje. Você pode assistir a live com a Paula Paschoal clicando aqui. Ah, e não perca as Lives Jeito Organica, Faz Chover e Líderes Corajosos. Elas acontecem todas as segunda, terças e quintas-feiras, respectivamente, no Instagram da Organica. Até mais!

14 insights aprendidos com Alfredo Soares, líder corajoso à frente da vice-presidência institucional da VTEX

Ontem, 05 de junho, tivemos  mais uma Live Líderes Corajosos em nosso Instagram e dessa vez o Roni Cunha Bueno fez uma entrevista sem pauta combinada e com perguntas ousadas com o Alfredo Soares, vice-presidente institucional da VTEX. Ele fez mais de 100 entrevistas por meio de lives nessa quarentena e ontem foi o dia dele ser o entrevistado.

O empreendedor é fundador da XTECH COMMERCE, que em três anos, negociou R$ 547 milhões em vendas e foi comprada pela VTEX em 2017.São mais de dez anos de trajetória profissional, transformando-se em um dos principais especialistas em vendas e e-commerce do Brasil. Hoje, ele é sócio da VTEX, a maior plataforma de e-commerce da América Latina, com presença global em mais de 35 países, onde atua como VP Institucional. Alfredo também autor do livro “Bora Vender”, obra que está sempre na lista de mais vendidos no segmento de vendas. 

Alfredo escreveu seu segundo livro na quarentena com base nas lives nesse período. Para ele, o livro é uma gaveta do momento e uma forma de esvaziar o cérebro. 

Foram 1h30 de live e muuuuuitos insights. Confira a seguir 14 inspirações do bate-papo com esse líder corajoso!

1. A grande fonte de inspiração está no óbvio

As grandes ideias são um conjunto de coisas óbvias e simples. Seja em um filme ou em uma feira de rua. 

2. Cada um tem sua forma de aprender

O inglês não é o forte do Alfredo, mas ele faz inúmeras viagens, participa de diversas palestras e vai absorvendo tudo como pode. 

3. As pessoas querem ser ouvidas

Alfredo diz não aceitar mais fazer palestras. Ele quer responder perguntas e discutir com as pessoas. Por isso, acredita mais nos painéis.

4. Use seu time e seu clientes como fonte

É preciso ser feita uma descentralização para daí então efetuar a criação de conteúdo. Reflita como os feirantes fazem: eles te convidam para conhecer seus produtos, te dão uma amostra e ainda que você não compre pode ir propagando aquela ação. 

5. Para mudar o presente a gente precisa visitar o passado

O futuro está no passado, naquilo que é legítimo e natural. Dê atenção à forma que você chama atenção na hora. É preciso fazer uma clusterização para um atendimento que realmente funcione. Daí então é possível fazer a diferença. Afinal, o futuro é hipotético.

6. É preciso ter a habilidade de ser pragmático em um mundo tão poluído

E então achar a grande fonte de aprendizagem. O erro deve ser encarado como tentativa. 

7. Sempre que ele tenta algo que vá contra a sua intuição vira uma cagada

O Alfredo é intenso em tudo que faz e sempre busca dar ouvidos a sua intuição, o que também evita brigas desnecessárias.

8. O líder deve liderar com a intuição aliada aos dados

O engajamentos das pessoas não é o mesmo quando a gestão é feita só na base dos dados. A intuição é a experiência conectada com as crenças na projeção de algo maior. Ela é o pensamento mais genuíno das coisas. 

9. As âncoras das novas gerações são os impactos que elas vão criar

Alfredo não quer inspirar, quer impactar. Ele acredita que só nós mesmos podemos nos inspirar.

10. A maior fonte de energia é o medo 

O instinto de sobrevivência faz a gente sentir nossa força e o autoconhecimento nos ajuda a lidar com o medo.

11. A segunda fonte de energia é a auto-estima

Aí vem a máxima: uma imagem vale mais do que mil palavras. Não é a auto-estima de receber elogio dos outros. É a de conseguir se encarar e criar suas próprias fontes de energia para conseguir ser sua melhor versão. Crie suas próprias fontes de energia se conhecendo.

12. O propósito e o legado podem ser adaptados

O que não mudam são os nossos princípios. Alfredo trocou seu propósito na live: ele quer simplificar, tangibilizar as coisas e conectar vários óbvios. Para isso, é necessário criar o momento para ser sua melhor versão e conseguir tornar o óbvio acessível para as pessoas conseguirem acessar. 

13. A jornada é o maior tesão

Precisamos parar de buscar as respostas no futuro e sentar no banquinho, olhar para o passado, aprender de novo e olhar para o futuro. Pense grande! Temos a capacidade de ressurgir várias vezes. Crie seu caos, ative seu medo e ressurja cada vez mais esclarecido.

14. Planejamento demais pode te afastar do acaso

Então, cuidado para não ficar planejando muito e deixar de viver as coisas que vão simplesmente acontecendo, que nos dão mais tesão e geram mais resultado no final.


Espero que tenha gostado dos insights, porque essa live foi foda. Você pode assistir as duas partes clicando aqui e aqui. Ah, e não perca as Lives Jeito Organica, Faz Chover e Líderes Corajosos. Elas acontecem todas as segunda, terças e quintas-feiras, respectivamente, no Instagram da Organica. Até mais!