Dicas para realizar uma boa gestão no Natal e outras datas comemorativas

Então já é quase Natal novamente. A Black Friday passou e isso significa que é a última chance do ano para ter um saldo positivo de vendas.

Falando sobre o Natal, segundo uma pesquisa realizada pela Publya, cerca de 77% da população tem a intenção de dar presentes em 2019. Estima-se que cerca de 119,8 milhões de pessoas devem ir às compras neste ano. Ou seja, é uma época que é boa para se investir, mesmo com a economia e comércio meio morno.

Nesse post falaremos um pouco sobre como realizar uma boa gestão do seu comércio no Natal. Mais que isso, as dicas que daremos podem ser usadas para o ano inteiro, e com mais afinco em datas comemorativas. Boa leitura!

A meta é definir uma meta

É muito importante que desde o começo se estabeleça uma meta de vendas. Essa meta deve constar na lista de planejamento do período. Metas individuais e metas coletivas são importantes para se ter uma noção do objetivo a ser alcançado. Isso vai desde optar por trabalhar com loja física ou e-commerce até quanto se espera lucrar. Tenha isso em mente, defina metas. Sempre!

Escolha bem os produtos

Veja bem, não faz sentido colocar em oferta uma roupa de carnaval em pleno Natal. Da mesma forma também nem toda oferta que funciona no seu e-commerce funcionará na loja física. Além disso, aqueles produtos com uma boa saída o ano inteiro não possuem a necessidade de serem ofertados. O ideal é colocar aqueles itens que possuem pouco giro no estoque e também investir mais em produtos sazonais.

Saber negociar é uma arte

Após identificar quais produtos possuem mais saída no Natal ou outras datas comemorativas, é importante conseguir as melhores condições para eles. Para isso, é necessário negociar com seus fornecedores. Esse tipo de negociação é fundamental para que seu negócio sobreviva. Apenas reduzir a sua margem de lucro não é suficiente.

Coloque o valor total dos seus custos operacionais na ponta da caneta

Ao realizar a gestão no Natal ou outras datas comemorativas é importante ter noção do valor que será gasto no custo operacional. Trata-se de uma etapa tão importante quanto à negociação com seus fornecedores na busca de valores competitivos.

Utilize uma base de descontos reais

Nada irrita mais um cliente ao ver preços absurdos e enganosos. Algo que irrita mais que isso é apenas quando eles estão disfarçados de descontos. Dificilmente se terá uma segunda chance nesses casos. Dificilmente também esse cliente retornará ao seu comércio. Existem ferramentas que monitoram os preços o ano inteiro, e inclusive são bem utilizadas de forma a inibir a Black Fraude. Por isso, é importante manter uma boa imagem.

Trocas sem aborrecimentos

Tão irritante quanto se deparar com valores e descontos enganosos é se ver inserido numa saga burocrática na hora de fazer uma simples troca. O ideal é que haja uma comunicação simples e direta nesses casos. Uma rápida busca em sites como Reclame Aqui ou PROCON mostram que essa é uma das maiores reclamações de clientes. Esta é uma dor de cabeça que pode ser evitada. Importante também levar em conta o que o código de defesa do consumidor fala sobre o assunto.

Invista na divulgação

Geralmente sabemos que já é quase Natal por uma razão que vai além da folha de calendário. O mundo do comércio pega pesado quando o assunto é reforçar a data, e essa deve ser uma de suas metas. Investir em divulgação serve como um ótimo canal entre você e o cliente. Mas para que isso funcione é importante haver planejamento. Saber qual o budget disponível para investir em publicidade e quais os melhores canais faz diferença.

As dicas que fornecemos também servem para a Black Friday e outras datas comemorativas além do Natal. Recentemente lançamos um e-book com valiosas dicas para a Black Friday 2019, e você pode baixá-lo gratuitamente.

Não investir em divulgação, não criar promoções e não oferecer um pós-venda positivo são um tiro no pé que qualquer comércio deve evitar cometer. Ainda mais quando se trata de uma data importante como o Natal. Esperamos que com essas dicas você tenha Natal com saldo positivo.

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre como realizar a sua gestão no Natal e outras datas comemorativas, deixe-a nos comentários! Até a próxima!

Fortaleça sua marca investindo na experiência de compra do cliente

Afinal você sabe o que é a experiência de compra do cliente? Nos dias atuais, é necessário cada vez mais que as empresas saibam atingir seus clientes e “marcá-los” de forma positiva. É tornar o cliente o centro das negociações e fazê-lo se sentir uma verdadeira estrela. Isso se dá por meio de um atendimento personalizado, do tipo que emociona e chama a atenção dele.  Essa experiência de compra pode se dar antes, durante e após a venda ter sido efetuada.

Por saber o quanto a experiência de compra é importante para a interação com o cliente/loja, separamos aqui algumas dicas para fortalecer a sua marca e investir na experiência de compra dele. Continue a leitura e dê uma olhada!

A experiência de compra

Quando falamos em experiência de compra, podemos dividi-la em três categorias: a experiência significativa, experiência memorável e a experiência positiva.

Experiência significativa

É aquele sentimento que fica quando o cliente realiza uma aquisição e tem o desejo de compartilhar a experiência com todos os seus amigos, de tão boa que ela foi. Com isso ele será um embaixador da marca, ou seja, gerará publicidade gratuita para seu comércio.

Experiência memorável

Ela se dá quando seu cliente tem consciência das promessas que você fez e fica satisfeito com elas. Bem diferente de prometer aquilo que não pode cumprir, a experiência memorável busca realizar aquilo que se propõe a fazer.

Experiência positiva

Já a experiência positiva são todos os fatores que elevam o nível de satisfação do cliente ao colocar os pés em seu comércio. Atendimento e nível de satisfação do cliente são levados em conta aqui. Caso tenha havido algum item no atendimento, é importante reverter essa situação de forma a positivá-lo.

Criando laços com o cliente

Um fator importantíssimo na hora de gerar a experiência de compra do cliente é a criação de laços com ele. Ou seja, a empatia é um fator-chave nessa hora, além de ser necessário na hora de colocar qualquer estratégia que você tenha em mente em prática. Pensar em como o cliente reagiria a cada etapa da compra é o caminho aqui.

Boas surpresas

Todo cliente adora ser surpreendido positivamente. A dica que damos na hora de fortalecer a sua marca com base na experiência do cliente é essa: utilize esse fator sabiamente. Na hora do pós-venda, ofereça brindes, descontos ou serviços extras para seu cliente. Além de aumentar as chances de ele voltar ao seu estabelecimento, também fará com que ele tenha suas expectativas superadas.

Interatividade total

Quando o cliente passa por uma experiência imersiva ele inconscientemente acaba criando um laço com a marca. Ao usar ao máximo a realidade aumentada este se torna um ponto positivo na hora de apostar na experiência de compra do cliente e assim fortalecer a sua marca. Clientes que passam por essas situações tem boas chances de se tornar embaixadores dela.

Passe a desenvolver a realidade aumentada

Com a realidade aumentada é possível tecer um novo mundo aos olhos do cliente sem que ele saia do lugar. Um exemplo prático da utilização da realidade aumentada são os espelhos inteligentes. Nesse tipo de tecnologia objetos são projetados ao ambiente e interagem com o mundo real. Esse tipo de comunicação entre real e virtual cativam e despertam o interesse do cliente. Além disso é uma ótima forma de fortalecer sua marca e investir na experiência de compra do cliente.

Saiba planejar seu estoque

Não há decepção maior para um cliente do que a de ir até a arara de uma loja de departamentos e ele não encontrar a sua numeração para aquela peça. Talvez uma decepção maior que essa só a dele não encontrar aquilo que deseja de forma alguma. Para evitar esse tipo de transtorno, uma dica que damos é a de planejar seu estoque. Além disso, é importante que seu cliente receba sua encomenda no prazo combinado, caso se trate de um e-commerce. Existem inclusive ferramentas no mercado que o auxiliam a gerir seu estoque de forma eficiente. A dica vale também para o estoque virtual de um e-commerce.

Como você viu, a experiência de compra do cliente é uma boa aposta na hora de fortalecer a sua marca e deixá-la na mente do consumidor. E existem diversas formas de fazer isso. Esperamos que com essas dicas você consiga incrementar seu negócio e torná-lo marcante para aqueles que colocarem seus pés nele.

Ficou com alguma dúvida ou gostaria de fazer algum comentário? Fale com a gente pela seção de comentários! Teremos prazer em ajuda-lo. Até a próxima!